<=Voltar para o site
Acesso a Área Restrita
Para vizulizar os cadidatos e necessário estar logado no site
Conta:
E-mail:
Senha:
Código de Segurança:
Click on me to change image

<=Voltar para o site
Para recuperar sua senha é preciso que você informe o E-mail que foi informado no ato do seu cadastro.
E-mail:
   
Vacinação contra a gripe na segunda-feira - Hora de Decidir - Por um Brasil mais justo e melhor!
Vacinação contra a gripe na segunda-feira
No Pará, 1,8 milhão de pessoas a se prevenir contra o vírus influenza
  Matéria publicada em 17 de Abril de 2017 as 09:04:34
   
Começa hoje a 19ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influência eo público-alvo é de 54,2 milhões de pessoas em todo o país. A imunização vai até o dia 26 de maio. No Pará, 1,8 milhão de pessoas serão servidas. Neste ano, também os professores e professores, tanto da rede pública e privada, os níveis fundamentais, médio e superior. A Secretaria de Estado de Saúde (Sespa) informou que o Ministério da Saúde (MS) já enviou ao Pará 1.863.160 doses da vacina. A meta é vacinar, pelo menos, 90% da população prioritária. O Dia de mobilização em todo o país será em 13 de maio.
Uma recomendação do ministério que se enquadra nos grupos de trabalho mais vulneráveis, como em qualquer época de gestação, crianças com idade entre seis meses e menores de 5 anos, trabalhadores de saúde pública e privada, pessoas com mais de 60 anos Anos, povos indígenas aldeanos, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos que cumprem medidas socioeducativas e detentos, além de funcionários do sistema penitenciário. Também devem ser consideradas vacinas como as que têm bebês até 45 dias, como denominadas puérperas, que possuem comorbidades comprovadas por médico laudo, como doenças crônicas respiratórias, coração, com baixa imunidade, entre outras.
Até o fim do prazo de validade são as vacinas 1.676.844 pessoas, que equivale a 90% do público alvo no Pará. Segundo a Sespa, como doses já foram enviadas aos 13 Centros Regionais de Saúde e repassadas aos municípios - que são, na prática, executores da ação e têm autonomia para executar uma estratégia de vacinação. De um modo geral, como doses estarão disponíveis em qualquer Unidade Básica de Saúde, nas salas das Estratégias de Saúde da Família e em outros locais definidos nas gestões municipais.
A Divisão de Imunizações da Sespa destaca que uma vacina é importante porque evita algumas complicações causadas pelo vírus influenza, como pneumonia e temas cardíacos. Assim, ao ser vacinada, uma pessoa não se protege apenas contra uma gripe, mas evita quadros mais graves que levam a hospitalização e morte. A vacina é contraindicada para pessoas com histórico de reação anafilática prévia em doses anteriores ou que tenham alergia grave a ovo de galinha e seus derivados.
Até 1º de abril, foram registrados 29 casos de gripe e cinco mortes no Pará. Em todos os estados foram 276 casos e 48 óbitos. Do total, 21 foram por H1N1, sendo que seis evoluíram para óbito. Em todo o ano passado, o Ministério da Saúde registou 12.174 casos de gripe de todos os tipos no Brasil. Deste total, 10.625 foram por influenza A (H1N1), sendo 1.987 óbitos. "No Estado do Pará, foram registradas 1.309 internações por complicações causadas pela Influenza em 2016. Até fevereiro de 2017, os registros apontam 102 internações. O objetivo da campanha é controlar os riscos e reduzir as complicações que levam aos óbitos e internações. Estudos demonstram que uma vacinação pode reduzir entre 32% a 45% o número de hospitalizações por pneumonias e de 39% a 75% a mortalidade por complicações da gripe ", disse o ministro da Saúde, Ricardo Barros,
 
META
Uma meta de vacinação deste ano aumentou devido aos índices alcançados nos últimos anos, que ultrapassaram 80%. Em 2016, inclusive, foi aprovado 90%, atingindo 93,5% de cobertura vacinal. "É importante lembrar que, em muitos casos, como pessoas que buscam uma vacina quando o registro de um número elevado de casos. Por isso, é importante que todos os grupos definidos busquem esta proteção dentro do prazo preconizado pelo Ministério da Saúde. É preciso que todos estejam devidamente protegidos antes do inverno ", completou o ministro.
Outra recomendação importante do Ministério da Saúde: quem tomou uma vacina no ano passado deve repetir o esquema este ano, para uma ação da vacina contra uma gripe leva duas semanas para funcionar e dura cerca de 9 meses. A reaplicação é necessária para uma dose posta em 2017 e outra para o organismo contra outras mutações do vírus. No dia 13 de maio, o Diário D em todo o país e como vacinas aplicadas nas Unidades Básicas e nos postos volantes, em centros comunitários, salões paroquiais, estandes em shoppings e supermercados, e ainda coretos de praças.
O Pará vai contar com 2.300 postos de vacinação fixos, além de 340 volantes e 75 fluviais, com 20.350 pessoas envolvidas, incluindo 2.010 equipes de vacinação. A campanha envolverá 550 carros, 25 barcos, 12 voadeiras e 25 motocicletas. Além da vacinação, os órgãos de saúde intensificarão como orientações sobre práticas de higiene que são mantidas pela população, para melhor prevenção das síndromes respiratórias. Manter janelas abertas e ambientes arejados e lavar bem como as mãos dificulta uma transmissão dos vírus Influenza, que acontece por contato com secreções das vias respiratórias, eliminadas por pessoa contaminada para falar, tossir ou espirrar; Ou por mãos e objetos contaminados, quando entram em contato com mucosas (boca, olhos e nariz).
Quando uma pessoa tem falta de ar, febre por mais de três dias, piora de sintomas gastrointestinais, dor muscular intensa e prostração procurar um serviço de saúde ou mais rápido possível.
 

 
Fonte: Portal ORM
           
Enviar Comentários.
Veja também!
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
FACEBOOK
PUBLICIDADE
Temos 101 usuarios on-line.
© Todos os direitos reservados a VIA CONECTE
Desenvolvimento PROMIX WEB
"Os justos brilharão como a luz do sol no Reino de Deus" (Mateus 13:43)